Holos Editora

Busca: 
telefone

Livros Holos Editora » Humanas » -

 

A construção do eu na Modernidade - Da Renascença ao século XIX

Autor: Pedro Luiz Ribeiro de Santi
Páginas: 134
Formato: 14 x 21
Ano: 1998
ISBN 8586699047

Para quantidades maiores, peça seu desconto. PROCURE A EDITORA (FONE 16.3234.8083) Ver mais

R$46,00

Descrição do produto

Quais características sociais, culturais e filosóficas deste final de século são, de fato, resultado de mudanças ocorridas nos últimos cinqüenta anos? A ausência de discussões filosóficas no processo científico atual é apenas uma impressão ou é um processo consolidado? A sensação de fragmentação do eu é resultado particular da personalidade de alguns ou é um padrão na sociedade contemporânea? A crise moral na segunda metade do século XX é conseqüência da mídia ou apenas aprofunda sintomas com raízes em momentos filosóficos anteriores?

Diversas mudanças na educação básica nos últimos 300 anos fizeram com que fossem reduzida nossa capacidade de olharmos o momento que vivemos e compreendermos as raízes de suas crises e suas fontes de solução. Nossa compreensão da dimensão temporal da cultural hoje é extremamente exígua; muitas vezes, têm-se a impressão de que tudo foi inventado depois da energia elétrica. Antes, seria a escuridão física e intelectual.

Não é esse o caso e essa impressão é apenas o reflexo da nossa ignorância sobre a história da cultura. As raízes da crise atual estendem-se longe na cultura ocidental. Há problemas estritamente atuais, mas a maior parte deles não é recente.

Pedro Luiz Ribeiro de Santi, neste livro, gera uma ferramenta básica para vermos o tempo atual sob uma perspectiva histórica. Com uma visão postada na origem da Psicologia, de Santi faz um resumo da história filosófica dos últimos 500 anos. O texto fornece material para que alunos de qualquer área possam compreender as bases do pensamento do século XX –da crise da moralidade a problemas da ciência. De Santi mostra como as várias partes da cultura são indissociáveis e como o pensamento filosófico de cada época refletiu-se –além da filosofia– na literatura, na música e na pintura.

Um texto bastante simples, preparado para estudantes de primeiro ano da universidade, sua leitura serve como pano de fundo para disciplinas que olhem a história de qualquer área da ciência ou da cultura.


Conteúdo:

Prefácio do Prof. Luís Claudio Figueiredo
1. Introdução
2. A Passagem da Idade Média ao Renascimento
3. O Humanismo no Renascimento
4. O Encontro com a Multiplicidade
5. Os Procedimentos de Contenção do Eu
6. A Posição de Crítica à Aparência
7. O Discurso do Método
8. O Eu e o Não-Eu
9. Os Moralistas do Século XVII
10. O Público e o Privado
11. Tempestade e Ímpeto: O Romantismo
12. A Auto-Crítica da Razão
13. O Positivismo
14. Os Diversos Caminhos para a Psicologia
15. Figuras do Romantismo no século XIX
16. Alguns Desdobramentos que Levaram à Psicologia
17. Consumação da Crise da Subjetividade
18. Conclusão
19. Bibliografia
Índice Analítico

Contato | Formas de Pagamento | Formas de Entrega | Quem Somos | Política de Troca | Segurança